Todo mundo deseja alcançar estabilidade financeira, mas ela não cai do céu para nenhum profissional. No caso dos autônomos, inclusive, os caminhoneiros, autodisciplina e planejamento são fundamentais. É preciso ser organizado, ainda mais quando nossa renda é variável.

Mesmo quem não gosta de fazer planilhas precisa ter anotadas todas as suas despesas e ganhos de forma precisa. O caminhoneiro deve ter em mente o quanto gasta para realizar cada um de seus fretes e manter reservas de dinheiro para eventuais emergências. Esses cuidados são ainda mais importantes quando o autônomo não conta com uma renda fixa e certa no fim do mês.

Neste artigo, vamos enumerar 9 dicas essenciais para o caminhoneiro autônomo alcançar a tão sonhada estabilidade financeira. Confira!

Dicas incríveis para alcançar estabilidade financeira

1. Mantenha suas receitas e despesas bem anotadas

A estabilidade financeira é possível de ser alcançada pelos caminhoneiros autônomos quando as entradas e as saídas de dinheiro são registradas. É essencial anotar em algum lugar quando ocorrerem essas movimentações, ainda que seja em uma simples folha de caderno.

Atualmente, existem diversas ferramentas gratuitas e fáceis de ser usadas para sua gestão financeira! Pesquise por aplicativos que você pode usar em um computador ou, até mesmo, em seu telefone celular.

Anote sempre exatamente quanto você gasta com combustível, manutenção, equipamentos de proteção, ferramentas e alimentação na estrada. Não se esqueça de registrar todas as quantias referentes aos seus ganhos. Some tudo e tenha em mente o total de despesas e receitas mensais.

2. Separe as suas contas pessoais das suas contas de trabalho

Os trabalhadores autônomos, inclusive, os caminhoneiros, devem tomar cuidado para não misturar os tipos de contas para obter estabilidade financeira. Na hora de calcular as despesas e as receitas, separe sempre os números referentes à sua vida pessoal das contas relativas ao seu trabalho.

Quando essas contas se misturam, o risco é a desorganização chegar a um ponto de não se entender mais nada. O valor que você receber para realizar um frete, por exemplo, deve cobrir seus gastos com o serviço, como as despesas de combustível.

Para pagar suas contas pessoais, separe a quantia necessária todos os meses. Calcule, também, quanto tem a pagar com seguro, IPVA, licenças, vistorias e eventuais multas.

3. Tenha sempre à mão um valor de reserva emergencial

Emergências e problemas na estrada podem acontecer a qualquer momento. Pode ocorrer de você precisar, por exemplo, realizar um reboque de urgência ou, na pior das hipóteses, se envolver em um acidente. Para manter o equilíbrio das finanças, é essencial ter separada determinada quantia em dinheiro para eventuais despesas como essas.

Dessa forma, você não estará desprevenido, nem vai comprometer valores reservados a outras finalidades. Além disso, evita contrair empréstimos ou dívidas, o que é essencial para ter estabilidade financeira.

4. Realize manutenções programadas de seu veículo

Para um caminhoneiro, a manutenção do próprio veículo deve fazer parte da sua rotina financeira. Por isso, programe a realização de revisões semestrais. Essa precaução representa uma despesa mínima em comparação a gastos com reboques ou consertos de emergência no meio de uma estrada.

Outra vantagem de programar uma rotina de revisão do seu caminhão é que você saberá exatamente o dia em que ficará sem trabalhar, conforme sua escolha. Bem melhor do que quebrar seu veículo e ficar sem ele em uma semana cheia de fretes a cumprir, não acha?

5. Estabeleça seus objetivos como profissional autônomo

Se você quiser alcançar a tão desejada estabilidade financeira, procure traçar seus objetivos de curto, médio e de longo prazo. Dessa forma, poderá focar melhor suas metas.

Se o seu desejo é, por exemplo, trocar de caminhão em um curto prazo, faça cálculos e defina estratégias, como realizar mais fretes. Se quer adquirir uma casa própria, foque a economia e o planejamento de longo prazo.

6. Tenha em mente seus gastos por quilometragem para ter estabilidade financeira

Todo caminhoneiro autônomo deve saber exatamente quanto gasta para realizar os fretes, de acordo com a quilometragem. Esse cálculo deve ser feito segundo o custo do combustível e o consumo do motor do veículo. Isso faz com que o profissional possa cobrar a quantia correta e justa pelos seus fretes.

O número em mente também permite que o caminhoneiro possa se planejar para economizar. O condutor pode, ainda, modificar as rotas mais custosas para seguir trajetos mais curtos e econômicos.

7. Considere a possibilidade de oferecer outro tipo de transporte

Para obter a tão sonhada estabilidade financeira, o caminhoneiro pode pensar na ideia de oferecer outros tipos de frete. Poderá, inclusive, conquistar outros perfis de clientes, diferentes da sua carteira habitual.

Se o autônomo está acostumado a realizar fretes para grandes empresas, por exemplo, pode fazer também mudanças para privados. Outra possibilidade é fazer transportes de cargas menores, inclusive, para empresas e instituições de menor porte. Dessa forma, as receitas aumentam e o veículo do caminhoneiro não fica ocioso.

8. Faça fretes de retorno

O caminhoneiro pode gerar mais entradas de dinheiro ao longo do mês para alcançar estabilidade financeira ao realizar os chamados fretes de retorno. Ou seja, o condutor pode tentar encaixar entregas que partem da região à qual chegou por meio do frete realizado. Dessa forma, aproveita-se o combustível e o tempo de viagem ao realizar outra entrega, de preferência, destinada à região da residência do caminhoneiro.

9. Dê preferência para rotas otimizadas em seu dia a dia

Para evitar despesas excessivas, pesquise por rotas alternativas ou mais curtas para realizar seus fretes. Muitas vezes, escolhemos percursos mais custosos em relação ao combustível.

Por isso, informe-se sempre sobre as alternativas de percurso. Sempre que puder, organize suas rotas de maneira otimizada. São cuidados diários que ajudam a reduzir gastos desnecessários.

Agora, você sabe os passos fundamentais para obter a tão almejada estabilidade financeira. Os autônomos devem ter cuidado redobrado na hora de organizar as contas, já que, com frequência, têm uma renda variável.

Somente com planejamento, metas claras e organização você poderá alcançar uma situação estável do ponto de vista econômico. Lembre-se de que a tecnologia pode e deve ser uma aliada nesse processo, tanto para contabilizar seu dinheiro quanto para encontrar demandas de frete!

As dicas essenciais para alcançar a sonhada estabilidade financeira vão ajudar você a montar seu planejamento como caminhoneiro autônomo? Então, compartilhe agora mesmo este conteúdo em suas redes sociais para que outros profissionais amigos conheçam essa ótima oportunidade!